fbpx

Como fazer a gestão de pessoas na pet shop

Como fazer a gestao de pessoas na pet shop

Apesar de o ramo de pet shop ser voltado ao cuidado de animais, o que mais fará diferença no sucesso do seu negócio é gestão de pessoas! Estranho? Nem um pouco! Seus clientes, representantes comerciais e colaboradores são pessoas! Seu pet shop vende para pessoas que são donas de pets. 

Essas pessoas prezam pelo bom atendimento aos bichanos, mas também em como eles próprios são atendidos e tratados. Seus funcionários também são pessoas, e são eles que vão definir a reputação da sua empresa, sejam eles do setor de atendimento, banho e tosa, clínica veterinária ou vendedores da loja.

Neste artigo, vamos conversar sobre como uma equipe bem preparada e alinhada faz diferença para seu pet shop. Aqui você entenderá como a gestão de pessoas pode contribuir para o sucesso do seu negócio, ou o contrário, pode dificultar o crescimento da sua empresa.

Recrutamento e seleção de novas pessoas

Montar seu quadro de colaboradores vai definir a equipe que acompanhará sua pet shop no dia a dia. Além das habilidades e qualificações, seus funcionários precisam estar alinhados com os valores da empresa e saber trabalhar em equipe entre os diversos setores existentes para sua pet shop prosperar.

Saiba o que a sua Pet Shop precisa

Para isso, comece por uma avaliação dos seus clientes e do público que você gostaria de conquistar, para que o perfil do profissional contratado atraia os clientes certos para sua loja.

Tenha o conhecimento de cada setor do seu negócio

Às vezes, o gestor entende muito de uma área, como clínica veterinária e hotelaria, mas não tem intimidade com acessórios e pet food, por exemplo.

Não há como saber que tipo de profissional contratar para um setor específico se o contratante não conhece as peculiaridades do mesmo. Estude o básico de cada área em que sua pet shop atua.

Tenha em mente a importância de cada área

Aliado a isso, tenha em mente a importância de cada área e de contratar profissionais específicos para cada setor. Porém, se a sua equipe precisa ser mais enxuta, foque em pessoas com flexibilidade para atuar em mais de uma atividade.

Ao dar início a um processo de recrutamento e seleção, você precisa ter definido todos os serviços que sua pet shop oferece.

Em seguida, fazer um esquema de tarefas e pessoas para realizá-las. Dessa forma, você saberá o tamanho da equipe e quais qualificações as pessoas que compõem seu quadro precisarão possuir. 

É interessante que você desenvolva uma lista das habilidades e tarefas necessárias para cada função, isso facilita a busca por perfis que preencham a vaga disponível.

Independente do setor de atuação da pessoa, não esqueça das habilidades que todos os funcionários devem apresentar, por exemplo: atendimento ao cliente, saber lidar com pets de diversos portes e temperamentos, e possíveis emergências.

Baixe o nosso e-book que vai te apresentar 5 dicas essenciais para o sucesso do seu Pet Shop, clicando aqui.

Gostar de pets é essencial para trabalhadores do ramo! Os tutores costumam ser exigentes quanto às pessoas que confiam no cuidado de seus animais, por isso é fundamental que o candidato transpareça o amor e carinho pelos pets.

Gestão de pessoas que já fazem parte do seu quadro de colaboradores

Por enquanto falamos de recrutamento de novos funcionários, mas como fica a gestão de pessoas que já foram contratadas por você? 

Comece com um planejamento estratégico

A gestão de pessoas começa no planejamento estratégico da sua empresa. Se você não faz planejamento estratégico, está perdendo tempo e espaço no mercado.

Com o planejamento estratégico é possível identificar os objetivos do seu negócio a longo prazo, ou seja, ter uma visão macro do que você pretende alcançar. Sabendo onde você quer chegar, é mais fácil criar metas e meios para chegar lá!

Com sua visão definida, você vai “quebrar” os grandes objetivos em menores, mais fáceis de alcançar em um tempo mais curto, com ações mais simples.

Ao transformar sua visão de futuro em objetivos mais tangíveis, você conseguirá definir suas metas para curto prazo, por exemplo, para este ano. É claro, sem nunca deixar de mirar em onde você desejar estar em 5 ou 10 anos. 

Nas metas de curto prazo, entram metas de faturamento, número de clientes, quantidade de colaboradores, entre outras.

Ao defini-las, você terá capacidade de enxergar quais são os desafios por setor dentro do seu negócio: O que o pessoal da estética precisa? Quais os maiores desafios do setor da veterinária? O que a loja precisa melhorar? Enfim, quais são os desafios de cada setor que você precisa ultrapassar para atingir seu objetivo do ano? 

Assim, você poderá pensar com clareza nos colaboradores de cada setor: quais habilidades os funcionários precisam ter para vencer os desafios do setor em que trabalham? 

Gestão de desempenho: alinhamento estratégico de função e descrição do cargo

Lembra da lista de qualidades e tarefas que falamos ali em cima, na hora de encontrar alguém para uma vaga? Ela se chama Descrição de Cargo e uma boa técnica é fazer a Descrição de Cargo para cada função da sua pet shop.

Nesta descrição, estará um resumo das funções do colaborador, quais áreas e temas ele precisa dominar ou desenvolver, e como você pode mensurar a qualidade do trabalho deste colaborador. 

Isso é planejamento e estratégia, mas e no dia a dia? Bem, é importante que você se reúna individualmente com cada colaborador, semanalmente ou quinzenalmente, para alinhar os resultados que você espera e quais ele está entregando e acompanhar seu progresso.

Também é interessante uma reunião conjunta, com todos, para mostrar que fazem parte do negócio. Mostre para sua equipe quais os objetivos para aquele ano e onde cada setor deve concentrar esforços.

Isso se chama Gestão de Desempenho e faz com que todos os colaboradores apontem para a mesma direção: o norte da empresa, onde o gestor quer chegar.

Essa gestão de desempenho também faz parte da gestão de pessoas, pois facilita decisões sobre quando promover um colaborador, quando desligá-lo, quando trocar sua função, etc. Bem como, deixa evidente o tipo de perfil profissional que o seu negócio precisa e deve contratar, facilitando o recrutamento e seleção de candidatos.

Leia também: Reuniões de equipe: confira essas dicas e saiba como realizá-las com eficácia

Boa gestão de pessoas garante o sucesso da sua pet shop 

Ao pensar nas pessoas que compõem sua equipe, tanto durante o processo de recrutamento e seleção, como nas que já estão contratadas, lembre-se da importância que os consumidores dão ao bom atendimento. 

Bons funcionários fidelizam clientes! Inúmeras vezes os clientes procuram pelos funcionários e não pela pet shop em si.

Isso quer dizer que valor ou os produtos podem até deixar a desejar comparado ao do concorrente, mas se os clientes se sentirem melhores atendidos na sua pet shop, é pra lá que tendem a retornar.

Como fazer isso? Foque em um padrão de atendimento para construir a imagem de qualidade e segurança em serviços e produtos. Qualidades como educação, cordialidade e atenção são imprescindíveis.

Estabelecido um padrão, certifique-se de que todos os funcionários, de todos os setores, estão trabalhando com a mesma linha de raciocínio e cuidados com os clientes.

As atividades que necessitam de contato com o público são as que registram a qualidade do seu serviço. Pessoas fazem a reputação do seu negócio!

Portanto, assim como excelentes colaboradores contribuem para o sucesso da sua pet shop, o contrário se aplica: funcionários não comprometidos e que não prestam bons serviços colocam em risco sua estratégia e desenvolvimento. 

Para continuar aprendendo e impulsionar o crescimento do seu negócio, baixe nossos eBooks:

Guia de Gestão para Pet Shops

Guia de como faturar mais com seu Pet Shop

No votes yet.
Please wait...
Voting is currently disabled, data maintenance in progress.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *