Planejamento de metas para pet shop. Idealize e Cresça!

Você possui um planejamento de metas para sua pet shop a longo prazo?

Para quem já viu o filme Alice no País das Maravilhas vai se lembrar daquela cena onde a Alice está perdida. Ao perguntar ao gato colorido para onde ela deveria ir, ele a questiona:

– Mas aonde você quer ir?

E ela responde que não sabe. Após isso o gato lhe responde:

– Se você não sabe onde quer chegar, qualquer caminho serve, não é mesmo?

Esse é um exemplo muito habitual no meio empresarial. É muito comum ver diversas empresas em operação há anos que não possuem objetivos e planejamentos a longo prazo. Estão simplesmente existindo.

Claro que muitas empresas possuem uma saúde financeira excelente sem sequer ter um planejamento para o próximo trimestre. Isso não é uma regra de sucesso.

Porém em outros casos, ter esse guia, tem ajudado muitos empresários(as) a ter um norte em suas ações.

Pensar a longo prazo é uma tarefa complexa. Requer bastante concentração e também “ter a mente aberta” para conseguir imaginar um cenário que ainda não existe.

Acredito que vem daí que um líder de sucesso precisa ser um visionário.

duvidas com o caminho

Planejando o futuro

Você pensa sobre seus próximos passos?

Vemos que muitos gestores possuem sonhos de crescimento, porém esses desejos ficam em suas mentes e provavelmente, isso os motiva dia após dia.

Não se esqueça que como um gestor, além de guiar sua empresa para o caminho certo, você deve motivar seus funcionários para tal. Mas isso é só um parênteses no tópico. Caso queira saber mais sobre motivação com foco em vendas, você pode acessar aqui.

Há grandes chances de se você está lendo esse conteúdo hoje é por que você está sentindo falta deste tipo de norte na sua empresa. Se você deve sentir que esse é o momento para realizar essa atividade, separe um tempo em sua rotina e comece a pensar sobre seu futuro.

Se você tem sócios, é uma atividade que você precisa fazer em conjunto, ou caso seja só você, deve fazer sozinho.

Como começar?

Você tem algum grande sonho em relação a sua empresa? Gostaria de ser a maior pet shop do seu bairro, da sua cidade? Gostaria de se tornar referência em algum serviço especial? Sonhar é livre, não há limites. 🙂

Nossa sugestão é começar definindo um grande alvo (especialistas chamam de moonshot, tiro na lua)  e quando você gostaria de realizá-lo. Por exemplo, em 1 ano, 5 anos ou em 10 anos.

Após isso, você deve quebrar em pequenas tarefas as atividades que você deve fazer para chegar lá. Por exemplo, esse semestre, quais passos você vai dar para chegar mais perto do seu moonshot? E no próximo semestre, quais os passos?

Esse é o exercício. Você deve definir, por semestre, por mês, ou como desejar, as tarefas que deve realizar até chegar naqueles 5 anos de prazo que você definiu para seu grande sonho.

Claro que você não precisa projetar os 5 anos antecipadamente, as tarefas podem ser quebradas em tarefas menores a cada trimestre. Mas é interessante ter um planejamento do que irá acontecer a cada semestre.

Na grande maioria das vezes, verás que quando se tem um alvo, esse tempo estipulado para realização do sonho irá reduzir drasticamente. Essa é a magia de ter os objetivos traçados.

Quebre essas atividades em tamanhos cada vez menores. Por exemplo, vamos supor que para você se liberar do caixa para começar a fazer novas atividades você deve contratar um novo funcionários.

Então temos a atividade: “Me liberar do caixa para assumir mais atividades administrativas.”

Essa atividade pode ser derivada nas próximas, com o intuito de se tornarem cada vez menores e mais palpáveis:

  1. Contratar um novo funcionário.
  2. Divulgar vaga no jornal e internet.
  3. Escrever texto para a internet.
  4. Definir salário e benefícios para essa nova vaga.

Então perceba que a atividade “mãe”, de fazer você se liberar do caixa, na verdade começa lá embaixo, quando você precisa definir o salário e os benefícios para você divulgar na internet.

Propósito

Esta é uma palavrinha muito falada hoje em dia. “Qual seu propósito?” “Qual propósito da sua empresa?”

No nosso entendimento, é como se fosse uma meta/objetivo a longo prazo, mas com uma forma de avaliação diferente, com um toque de coração na frase.

Digamos que ao invés de “Me tornar referência em serviços de banho e tosa no meu bairro” você reescreveria da seguinte maneira:

Criar um ambiente saudável para fornecer a melhor experiência em limpeza e higienização dos pets, fazendo com que nosso bairro possua cada vez mais animais limpos e cheirosos“.

Ao iniciar a jornada atrás dos propósitos da empresa, a incerteza é muito comum. Sugerimos que vá anotando todos os pensamentos e conforme a consciência for chegando, você irá se dando por conta dos seus principais objetivos.

A principal diferença entre propósito e objetivos é este apelo humano. Pessoas se comovem mais ao escutar algo com mais emoção como o anterior ao invés de “se tornar referência no bairro”. Esse tipo de mudança tem grande impacto na motivação dos seus funcionários e na aquisição dos seus clientes.

Sim, quando um cliente descobre que seu objetivo é :

Criar um ambiente saudável para fornecer a melhor experiência em limpeza e higienização dos pets, fazendo com que nosso bairro possua cada vez mais animais limpos e cheirosos“.

O cliente se sente parte de algo, como se ao levar seu animal para dar banho semanalmente, estivesse ajudando com esse objetivo.

Pense nisso. Quando você definir seu objetivo e seu propósito, você pode emoldurar essa frase e colocar na parede da sua empresa, assim como na página principal do seu site.

Se você quiser estudar mais sobre o assunto, deixo esse vídeo do Simon Sinek como material extra de estudo.

planejamento-objetivo

Um pouco mais sobre objetivos

Mas e o dinheiro? Sim, todo mundo gosta e da segurança que ele nos dá. Mas não se esqueça que dinheiro é resultado, caso você seja tenha aberto sua empresa recentemente, não se preocupe por que mais cedo ou mais tarde irá chegar.

O ponto principal é definir qual seu objetivo em relação a sua empresa que irá guiá-lo para o sucesso financeiro? Esse é um assunto subjetivo, mas tem um papel importantíssimo para guiá-lo em relação às suas ações.

Vamos a outros exemplos para deixar mais claro: vamos supor que um dos seus sonhos é ter uma grande pet shop, com diversos tipos de  serviços para seu clientes, grande variedade de produtos, parte veterinária completa e tudo mais.

Pronto, a partir de agora você tem um alvo. Quais as ações você fará esse ano para dar um passo, e chegar mais perto do seu objetivo?

Talvez com o dinheiro que sobrar no final do ano, uma ampliação na parte do banho e tosa, possibilitando a realização de mais banhos?

Quem sabe a contratação de uma nova veterinária?

Ou então seu objetivo seja virar uma pet shop 24h, com a preocupação de sempre estar disponível para qualquer emergência que aconteça?

Tenha em mente “esse alvo” para que ele seja o norte para suas ações.

Perceba o impacto que irá causar no mundo. Caso você queira muito uma pet shop 24 horas e não existe nenhuma na sua cidade. Esse seu desejo de ser proprietário de uma empresa que funciona sem parar terá um grande significado na sua região.

Além de se tornar referência em sua cidade, você está dando a oportunidade para os cidadãos de salvar seus animais em algum momento de emergência.  

Ao definir um novo planejamento de crescimento em seu negócio, provavelmente você precisará contratar novos funcionários, e isso quer dizer que você estará tirando pessoas do desemprego ou talvez oferecendo para outras, uma oportunidade melhor em suas carreiras.

Com isso, você faz a roda da economia do nosso país girar. Geração de emprego, criação de novas rendas e também melhorando a qualidade de vida da sua comunidade.

Por isso, que esse tópico é tão interessante.

Quais são seus objetivos? Quem você irá influenciar? Qual mudança na sociedade você irá causar?

Último ponto sobre esse tópico: após a definição dos seus objetivos, é interessante contar para seu funcionários. Lembre-se sempre, funcionário empoderado é funcionário motivado.

Caso você venha fazer novas contratações, nós sugerimos contar para esses candidatos seus objetivos. É muito satisfatório para qualquer novo colaborador saber que irá fazer parte de algo com um objetivo maior.

Reuniões

Perfeito então, objetivos e propósitos definidos. Agora é a hora de decidir como você vai mensurar todas essas atitudes e ações.

Reuniões são essenciais para analisar a que ponto estamos dos nossos objetivos. Elas devem ser feitas com certa periodicidade e cada uma deve ter motivos diferentes.

Por exemplo, reuniões mensais, tem mais o intuito de verificar as atividades que foram feitas no mês, alinhar e motivar o time para o caminho certo. Já reuniões trimestrais, tem o intuito de planejamento, não se deve entrar em tópicos muito micros e analisar as situações em macro.

A reunião é aquele momento em que você senta com seus sócios ou funcionários para conversar sobre a própria empresa.

Se sua empresa tem a cultura de ter reuniões chatas, quebre isso. Que tal fazer uma reunião com clima de café da manhã ou lanche da tarde? Ou até mesmo que tal ir até a padaria ao lado para conversar sobre alguns tópicos?

São nas reuniões que os objetivos são definidos e os problemas são debatidos.

Abaixo listamos uma série de encontros que podem ser feitos com você e seus funcionários, se achar interessante, escolha os que mais combinem com o estilo da sua empresa:

Reunião de virada de mês: encontro estratégico para verificar o financeiro e os indicadores de desempenho. Nessa reunião, deve-se verificar os indicadores e conversar sobre o que pode ser feito para melhorá-los ou caso o indicador esteja sendo batido há muitos meses seguidos, pode ser definido a nova meta. Essa reunião pode ser feita com todos os funcionários.

Reunião semanal de motivação: recomendamos  fazer segunda-feira pela manhã. Conversar sobre os objetivos e acontecimentos da semana e informar a todos as melhorias que precisam ser feitas.

Reunião semanal de feedback: conversar sobre o que aconteceu na semana é muito importante. Provavelmente, aconteceram situações com os clientes que você não quer que aconteça novamente, e esse é um bom momento para escutar os funcionários e ver o que está acontecendo.

Encontros diários: nada demorado, um minuto ou dois, conversar com os funcionários sobre algum item diário que entrou em promoção, lembrá-los de entrar em contato com os clientes para oferecer os produtos e serviços. É interessante realizar no período da manhã antes de iniciar o expediente.

Reunião de final de ano: momento muito bom para unir a equipe. O que você acha de fazer uma atividade fora do ambiente da empresa? Talvez um restaurante ou uma viagem para uma cidade vizinha? É um bom momento para gerar mais laços entre você e a equipe. Não se esqueça de fazer um apanhado geral de como foi o ano, e os objetivos para o próximo.

 

reuniao-pet-shop

Vamos colocar a mão na massa?

O assunto do artigo de hoje foi bem administrativo. Nossos consultores nos relatam que há uma lacuna administrativa em grande parte das pet shops. Muitos empreendedores se preocupam unicamente com o operacional do dia a dia e se esquecem do seu papel de gestores.

Os tópicos falados no texto tem grande valia para todos dentro da empresa.Os sócios se sentem melhor por estar com o caminho traçado e planejado, e os funcionários se sentem mais motivados por ver que a empresa busca um crescimento para o futuro.

Não se esqueça que seus funcionários são a força motriz da sua empresa. A motivação deles se reflete diretamente na alegria e disposição para o trabalho. E é seu papel como gestor cuidar disso também.

Por se tratar de um assunto intangível, por favor, se você ficar com dúvidas, não deixe de entrar em contato conosco e postar suas dúvidas nos comentários.

Abraços e bom planejamento de metas pet shop

guia de sucesso pet shop

No votes yet.
Please wait...

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *